• Enviamos para todo o Brasil!
  • Até 7 dias para devolver a compra
  • Em até 10x sem juros no cartão
0
Seu carrinho está vazio :(

  • Em busca do tempo perdido - sodoma e gomorra
Em busca do tempo perdido - sodoma e gomorra

Em busca do tempo perdido - sodoma e gomorra

Modelo: L55430237A
(0)
R$ 94,91
-5%
no boleto bancário
R$ 99,90
no cartão em 1x
Produto indisponível! Podemos avisar você quando estiver disponível?
Sodoma e Gomorra, agora reeditado, é o volume 4 de Em busca do tempo perdido, a grande obra de Marcel Proust. A presente tradução é igualmente um clássico: trata-se da versão feita pelo poeta Mario Quintana para a antiga Globo de Porto Alegre, com revisão técnica de Olgária Matos. A presente edição conta ainda com prefácio, notas e resumo de Guilherme Ignácio da Silva e posfácio de Regina Salgado Campos. Se o "romance-rio" de Proust é uma obra multidimensional, três de suas dimensões se destacam: o aspecto balzaquiano de largo mural romanesco de uma época e de uma classe; a estrutura da obra em si, trabalhada e retrabalhada de modo a intensificar as amarras, os nexos e os desenvolvimentos ao longo dos vários volumes; e as evocações metafóricas. Em Sodoma e Gomorra, desenvolvido em grande parte durante a Primeira Guerra, com as editoras fechadas, Proust pôde aprofundar e alargar essas dimensões, "expandindo seu texto em uma imensa rede de sinais e enigmas", nas palavras do prefácio. Assim, se o primeiro volume de Em busca do tempo perdido fala dos dois caminhos que circundam a cidadezinha de Combray, o de Swann e o de Guermantes, e se os dois volumes seguintes os ampliam em dois mundos distintos, o do colecionador de arte judeu Charles Swann, marido da adorável Odette e pai de Gilberte; e o dos Guermantes, mundo da nobreza em que o herói é introduzido pela Madame. de Villeparisis, neste quarto volume são dois "mundos" no sentido metafórico que se desdobram e se aprofundam dos anteriores, envolvendo vários personagens: o do homoerotismo masculino - Sodoma - e o do homoerotismo feminino - Gomorra. Porém, o que se destaca também se insere no vasto painel humano, social, comportamental, psicológico, cultural e sexual, que segue se ampliando e complexizando. Proust é uma das estrelas mais brilhantes de uma constelação moderna em que lhe fazem companhia Flaubert, Joyce e Kafka. Flaubert é o homem do le mot juste, da palavra exata, como demonstram seus Três contos, cuja grandeza estilística é inversamente proporcional ao pequeno número de páginas. Joyce, principalmente no Finnegans wake, foi um onomaturgo, para usar o termo platônico, um "criador de nomes", um renomeador, i. é, um criador de linguagem. Kafka foi um fabulista - isto é, um moralista - que adotava o estilo do realismo, assim transcendendo o realismo, ao mesmo tempo em que dava ao mundo real uma irrealidade de fábula. Proust, por seu lado, expandiu até o limite as possibilidades prismáticas do parágrafo, ao mesmo tempo em que criava, assim, um poderoso instrumento de investigação psicológica, só comparável ao fluxo de consciência de Joyce e às pesquisas de Freud.
Referência
L55430237A
Autor
PROUST, MARCEL
Editora
GLOBO
ISBN
9788525042286
Ano Publicação
2008
Páginas
640
Acabamento
BROCHURA
Dimensões da Embalagem
23,00cm x16,00cm x5,00cm

Produtos relacionados

Avaliações do produto

Ei, esse produto ainda não foi avaliado!

Conte para todos o que você achou dele.

Cookies
X

Este site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao continuar navegando, você aceita nossa Política de Privacidade.