• Enviamos para todo o Brasil!
  • Até 7 dias para devolver a compra
  • Em até 10x sem juros no cartão
0
Seu carrinho está vazio

Colaboracao horizontal

SKU: L99097553A
Valor no Cartão
R$ 79,80
Em até 10x sem juros
Valor no Pix
R$ 75,81
-5%
no PIX
Não sei o meu CEP
Gostou? Compartilhe nas redes sociais!
Produto indisponível!Podemos avisar você quando estiver disponível?

Descrição do produto

“Colaboração horizontal” é um termo usado para descrever os relacionamentos românticos e sexuais que algumas mulheres francesas tiveram com membros das forças da Ocupação alemã, durante a Segunda Guerra Mundial. Nesta graphic novel incisiva e centrada na mulher, criada pela dupla Carole Maurel e Mademoiselle Navie, o tabu de “dormir com o inimigo” é explorado por meio da história de um caso tórrido e proibido.

Em junho de 1942, Rose – cujo marido é prisioneiro de guerra – intervém para evitar a captura de sua vizinha judia e inicia acidentalmente uma relação secreta com o oficial investigador alemão, Mark. Apenas um passo separa o heroísmo da traição, e muitas vezes esse é um passo perigoso.

Dentro de um conjunto residencial no 11º arrondissement de Paris, pouco escapa à percepção do marido cego da síndica. Através de seus olhos sem visão, mas cientes de tudo, descobrimos sobre a relação oculta de Rose e Mark, e também sobre as histórias e os problemas entrelaçados dos outros inquilinos, em sua maioria mulheres e crianças, que enfrentam questões complexas, como violência doméstica, incesto e prostituição. Este fascinante romance gráfico aborda o tema ainda sensível de como e quem é aceitável amar, com ilustrações íntimas e etéreas que trazem à vida, de forma vívida, o drama dessa bela história.

“A história de um amor impossível, que evoca os grandes clássicos da literatura – Tristão e Isolda, Paulo e Virgínia – e nos lembra como pode ser difícil e perigoso nos apaixonarmos, especialmente em tempos de guerra. Uma verdadeira joia.”
ActuaLitté

“A raiva do povo francês foi descarregada nas mulheres pela forma como estas navegaram e sobreviveram à Ocupação – muitas delas foram publicamente insultadas, agredidas e brutalizadas ao final da guerra. A história em Colaboração horizontal é fictícia, mas representa a essência de tais realidades.”
PopMatters

“Duas autoras, Navie e Carole Maurel, escrevem este sutil conto de heroísmo, beleza, esperança e traição...”
BDZoom SOBRE O AUTOR: Autora eclética, Navie escreve para a imprensa, cinema e televisão e comanda, há muitos anos, vários podcasts na Internet. Ela é formada em História pela Sorbonne, com especialização na história do fascismo, e gosta de olhar pelo buraco da fechadura as histórias ocultas das pessoas. As belas histórias, assim como aquelas que nem sempre terminam bem. Portanto, não é coincidência que sua primeira HQ seja sobre uma perigosa história de amor durante a Ocupação. Com Colaboração horizontal,Navie quis abordar um assunto que ainda hoje é relevante: o olhar dos outros e seus julgamentos peremptórios. É correto dormir com o inimigo, apaixonar-se por ele? Podemos nos entregar à mesquinhez entre vizinhos, a pequenos problemas pessoais, enquanto, lá fora, a guerra está matando milhões? E se isto for, na verdade, o significado de “continuar vivendo”?

Características

Características Gerais

Autor
SILVEIRA, RENATA
Editora
AUTENTICA BH
ISBN
9788582865620
Ano Publicação
2022
Dimensões
25,00x19,00x1,30
Páginas
144
Acabamento
BROCHURA
Assunto
MANGAS
HQS
Idioma
Português
Biografia do autor
Autora eclética, Navie escreve para a imprensa, cinema e televisão e comanda, há muitos anos, vários podcasts na Internet. Ela é formada em História pela Sorbonne, com especialização na história do fascismo, e gosta de olhar pelo buraco da fechadura as histórias ocultas das pessoas. As belas histórias, assim como aquelas que nem sempre terminam bem. Portanto, não é coincidência que sua primeira HQ seja sobre uma perigosa história de amor durante a Ocupação. Com Colaboração horizontal,Navie quis abordar um assunto que ainda hoje é relevante: o olhar dos outros e seus julgamentos peremptórios. É correto dormir com o inimigo, apaixonar-se por ele? Podemos nos entregar à mesquinhez entre vizinhos, a pequenos problemas pessoais, enquanto, lá fora, a guerra está matando milhões? E se isto for, na verdade, o significado de “continuar vivendo”?

Produtos Relacionados

Sem Avaliações

Seja a primeira pessoa a avaliar este produto!

Sua avaliação vai ajudar muitas pessoas que desejam saber mais detalhes deste item. Em 2 minutinhos você consegue descrever e mostrar fotos do produto!

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.